quarta-feira, 27 de abril de 2011

Alua

Quem me dera
três mil quilômetros
fosse ali,
do outro lado da rua...
E um milímetro
fosse a maior distância
entre a minha boca e a tua

3 comentários:

  1. ah, quem dera...
    sonhar não é preciso.

    ResponderExcluir
  2. Ai que lindo... como em poucas palavras consegues dizer tanto! És poeta moreno... és poeta.

    Beijos doces

    ResponderExcluir